O dia em que quase morri

Amor

Compartilhar:

Conteúdo



Há muitos momentos na vida que jamais serão esquecidos. Um desses momentos foi o dia em que quase morri. Neste artigo compartilho minha experiência pessoal, meus pensamentos e sentimentos que tive naquele dia e como me senti depois.

O dia em que quase morri foi um dos piores dias da minha vida. Eu me coloquei em uma situação perigosa ao... mande nudes pra ele enviado, embora eu soubesse que era uma má ideia. Eu também me joguei em um relacionamento que não era bom para mim porque eu Câncer vs. Escorpião era. Eu havia ultrapassado meus limites e tive que arcar com as consequências. Sou grato por ainda estar vivo e por ter aprendido com essa situação que você deve sempre ouvir seu instinto.

O dia em que quase morri

Minha experiência

Era um dia perfeitamente normal quando saí para o trabalho. Mal sabia eu que seria meu último dia. De repente, percebi que meu corpo tremia e me senti fraco e tonto. Tentei me mover, mas não consegui. Eu sabia que algo estava errado, mas não conseguia entender o que era. Tentei pedir ajuda, mas minha voz falhou. Eu senti como se estivesse morrendo.



A menina senta-se perto da água

meus pensamentos e sentimentos

Naquele momento, tive uma infinidade de pensamentos e sentimentos. Tive medo de morrer sem ver minha família e amigos. Eu tinha medo de nunca alcançar meus sonhos. Tive medo de nunca mais ver as pessoas que amava. Eu tinha medo de nunca mais fazer as coisas que amava. Tive medo de nunca mais ver o mundo que amava.

O resgate

Por sorte, um médico veio e me atendeu. Ele reconheceu imediatamente que eu estava tendo um ataque cardíaco. Ele imediatamente chamou uma ambulância e eu fui levado para o hospital. Lá fui tratado imediatamente e depois de alguns dias pude ir para casa.

Meus sentimentos após o evento

Depois de voltar para casa, me senti muito grato. Eu estava grato por estar vivo e por ter a chance de mudar minha vida. Eu estava grato pelas pessoas que me ajudaram. Eu estava grato pelos médicos e enfermeiras que me salvaram. Agradeci a minha família e amigos que me apoiaram.



Minha nova visão da vida

Este evento mudou minha atitude perante a vida. Aprendi que a vida é curta e preciosa e que você deve apreciá-la todos os dias. Aprendi que você nem sempre sabe o que vai acontecer a seguir e que deve tratar cada dia como um presente. Aprendi que a vida nem sempre está no controle, mas você sempre pode tentar tirar o melhor dela.

Conclusão

O dia em que quase morri foi um dos piores dias da minha vida. Mas também me ensinou a apreciar a vida e a ver cada dia como um presente. Sou grato pelas pessoas que me ajudaram e sou grato pela oportunidade de mudar minha vida.

Perguntas frequentes

  • O que aconteceu quando eu quase morri? Tive um ataque cardíaco e tive que ser levado para o hospital onde fui tratado.
  • Como minha atitude em relação à vida mudou? Aprendi que a vida é curta e preciosa e que você deve apreciá-la todos os dias. Aprendi que a vida nem sempre está no controle, mas você sempre pode tentar tirar o melhor dela.
  • Como me senti após o evento? Eu me senti muito grato por estar vivo e por ter a chance de mudar minha vida. Eu estava grato pelas pessoas que me ajudaram.

Mesa

Sentimento Descrição
Angústia Tive medo de morrer sem ver minha família e amigos.
gratidão Eu estava grato por estar vivo e por ter a chance de mudar minha vida.
alívio Senti-me aliviado quando fui levado ao hospital e tratado.

Este artigo é baseado na minha experiência pessoal quando quase morri. Espero que minha experiência possa ajudar outras pessoas a apreciar a vida e ver cada dia como um presente. Mais informações sobre este tema podem ser encontradas em WebMD e clínica Mayo .



Compartilhe Com Os Seus Amigos :